Sistemas da Sabesp de São Manuel trabalham com capacidade máxima

Em dias de calor e alta no consumo, alguns bairros distantes são afetados e sofrem com falta de água

O sistemas de captação de água na cidade de São Manuel vem operando com sua capacidade máxima. Com isso, em dias de altas temperaturas, a população precisa fazer o uso consciente, senão, pode faltar água, especialmente nos bairros mais distantes.

Internautas tem encaminhado com certa regularidade reclamações de falta d´água na vila Rica, residencial Irmãos Inocente, Juliani e adjacências. Procurada, a Sabesp informou que vem investindo para garantir o abastecimento da população.

Em São Manuel, a Companhia tem três captações superficiais, sendo uma no Ribeirão Paraíso e outras duas nos Córregos Pimenta e Igualdade, além de dois poços profundos do Aquífero Guarani e, neste momento, todos os sistemas estão operando com capacidade máxima.

A Empresa vem monitorando periodicamente a vazão de água das captações existentes, além de buscar outras alternativas de aumento da disponibilidade hídrica para o enfrentamento da estiagem, nesse período de poucas chuvas.

Por isso, para aliviar a produção e garantir a segurança hídrica um novo poço já foi perfurado próximo a captação do Ribeirão Paraíso. Também já está em operação uma quarta captação na Lagoa do Horto que vai ampliar a capacidade de produção e reforçar o abastecimento do município.

A Sabesp reitera a importância do uso responsável da água, uma vez que por causa da estiagem severa que atinge grande parte do país, os mananciais e poços que abastecem o município de São Manuel apresentam baixa vazão.

A Companhia orienta à população que com ações simples de economia de água, podem trazer grande impacto quando adotadas coletivamente. Veja algumas dicas:

1. Use vassoura e balde para lavar áreas como garagem, corredores, dentre outras. Não utilize mangueiras.


2. Não dê descarga à toa e não utilize o sanitário como lixeira. Em apenas seis segundos de válvula acionada vão embora cerca de 12 litros de água.


3. Não use água corrente para descongelar alimentos.


4. Fique muito atento a possíveis vazamentos. Eles podem passar despercebidos e são grandes causas do desperdício.

Veja mais no link: http://site.sabesp.com.br/site/sociedade-meioambiente/dicas.aspx?secaoId=450.

thiagomelego

thiagomelego

Jornalista por tempo de serviço, Radialista, Administrador, tecnólogo em Recursos Humanos. Estuda Análise e Desenvolvimento de Sistemas.