Botucatu debate consumo de bebida alcoólica em praças e espaços públicos

Consumo de bebidas alcóolicas em praças e espaços públicos – o que você acha desse tema? Ele deveria ser disciplinado? A partir de que horário? Essas foram as perguntas centrais da audiência pública realizada no dia 5 de outubro na Câmara de Botucatu. A iniciativa do encontro partiu de um requerimento assinado pelos vereadores Silvio (Republicanos), Sargento Laudo (PSDB), Palhinha (DEM) e Marcelo Sleiman (DEM). Os dois primeiros estão estudando opções de lei que regulamentem a questão.

“O grande objetivo é trazer o debate para a sociedade, apresentando algumas práticas e problemas que vivenciamos. A partir dessa escuta e de outras análises, podemos seguir adiante com uma proposta de regulamentação”, fala o vereador Silvio, que abriu o encontro explicando suas motivações e exibindo fotos de praças após uma noite de bebedeira. Em seguida, convidados compartilharam suas visões sobre o assunto.

O Coordenador Operacional do 12º BPM/I, Major PM Fabiano Tomassian, citou que todos têm direitos, mas também obrigações. Assim, a ideia não é trazer uma proibição, mas colocar limites a certos casos. O Secretário Municipal de Segurança, Marcelo Emilio de Oliveira, falou sobre o cenário botucatuense, a preocupação com os jovens que consomem álcool cada vez mais cedo e a importância de debater o assunto. Já o delegado de polícia do 1º Distrito Polícial de Botucatu, Nelson Burin Neto, afirmou que existem municípios com leis semelhantes. Dessa forma, uma legislação seria viável e poderia coibir certos crimes, como o vandalismo, além de conscientizar a juventude quanto ao consumo de álcool.

Para terminar as explanações, o vereador Sargento Laudo disse como a Câmara tem estudado essa possível legislação e que todas as opiniões seriam acolhidas para posterior avaliação.

Participação do público

Depois da manifestação dos convidados, chegou a vez de ouvir a população. Quem esteve presente pôde compartilhar sua opinião no microfone; de casa, outra parcela de pessoas mandou questionamentos pela internet. No geral, foram levantados diversos temas pelo público e por outros vereadores: opções de convívio social para juventude, perturbação de sossego, fiscalização, monitoramento por meio de câmeras, alvarás e horários de funcionamento de estabelecimentos, venda de bebida alcoólica, política contra drogas, descarte de lixo e muitos outros.

“Nós tivemos um retorno muito interessante. Eu não queria as pessoas só concordando com a ideia inicial, mas, sim, um debate e foi isso que aconteceu. Agora vamos colher tudo que passou por aqui, analisar cada proposta, pois a direção que a população nos der, é a que vamos tomar para construir uma Botucatu melhor para todos”, finaliza o vereador Sargento Laudo.

O debate continua: quer assistir a audiência na íntegra? Ela está disponível no YouTube da Câmara e segue em reprise na TV Câmara Botucatu (canal 31.3 da rede aberta e 2 da Claro NET TV). Caso queira falar diretamente com algum vereador, basta procurar os contatos no site do Legislativo – www.camarabotucatu.sp.gov.br .

thiagomelego

thiagomelego

Jornalista por tempo de serviço, Radialista, Administrador, tecnólogo em Recursos Humanos. Estuda Análise e Desenvolvimento de Sistemas.